Galáticos FC atropela Águia da Paz e termina 1ª fase em primeiro no grupo B do Carioca

Por Julia Camacho

A partida do último sábado, dia 15 de setembro, no clube Pau Ferro, recebeu os melhores colocados do grupo B do Campeonato Católico, o Galáticos FC e o Águia da Paz. O jogo prometia ser bem disputado, mas a equipe de Caxias goleou o adversário, bem desfalcado, por 9×0 e garantiu o primeiro lugar da chave com três vitórias em três jogos. O craque da partida foi Jeferson que marcou cinco gols e chegou aos nove na competição, assumindo a ponta da artilharia.

O jogo começou com 10 minutos de atraso e o Águia da Paz com um jogador a menos. O Galáticos iniciou melhor, sendo mais ofensivo e tentando de várias formas furar a defesa adversária. Aos 12’ veio o primeiro gol, Deivisson tocou para Joldair que mandou para as redes. No minuto seguinte, Léo arriscou do meio de campo sem o goleiro esperar e a bola entrou pelo lado direito, abrindo 2×0. Com os gols sofridos, o Águia da Paz se fechou cada vez mais na tentativa de reverter o placar, por estar com um a menos em campo. Com uma tabela cara a cara com o goleiro, de Denílson para Joldair, este último ampliou o placar em 3×0. O Águia da Paz não conseguia manter a bola nos pés e nem completar jogadas para marcar o primeiro gol. O domínio era total do time da Baixada que ampliou aos 17′, depois de Denílson cruzou da direita para Joldair fazer 4×0. O time de Ipanema, já sendo derrotado por uma grande diferença de gols, conseguiu chegar até o campo de ataque e quase marcou com Bruno, mas o goleiro espalmou para linha de fundo.

O Galáticos sendo bastante superior, continuou com ataques perigosos e trabalhando melhor a bola. O Águia da Paz tinha poucas chegadas ao gol, sem ter espaço para aprimora jogadas e errando bastante passes. Com esse conjunto de erros, o Galáticos chegou mais uma vez, aos 21’, com uma tabela entre Denílson e Jeferson, o camisa 11 marcou, fazendo 5×0.

Depois de marcar o primeiro gol na partida, Jeferson se destacou e marcou em seguida, pelo lado direito do goleiro. O Águia da Paz conseguiu aos 24’ cavar uma falta perto da área, mas Eduardo desperdiçou a oportunidade de marcar o primeiro gol e mandou a bola para fora. O Galáticos viu que a equipe branca e azul estava começando chegar mais perto do gol, e conseguiu fazer mais um com uma arrancada de Diego pelo meio de campo, entregando a bola para o camisa 11 marcar e fechou o primeiro tempo em 7×0.

O segundo tempo já se iniciou com gols, com um cruzamento de Deivisson em direção a pequena área, e Jeferson de cabeça ampliou o placar para 8×0. Depois do começo da segunda etapa, o Águia da Paz veio sentindo os gols que levou, mas não deixou de correr atrás do prejuízo, e aos 4 minutos Mauro tentou um chute de longa distância mas a bola bateu na trave e foi para fora, e logo no minuto seguinte, ele rebateu, mas ela foi direto para a linha de fundo. A equipe de Ipanema tinha muitas dificuldades com as saídas de bola, e por isso arriscava mais com bolas lançadas em direção a grande área.

O Galáticos a fim de fechar o caixão de vez, marcou o nono gol aos 7’ com o passe de Airton, para Jeferson encerrar a partida com chave de ouro. O jogo terminou aos 8’ minutos do segundo tempo, devido a equipe do Águia da Paz estar com um jogador a menos, e que também acabou perdendo o goleiro, por uma contusão na perna, ficando sem opções para concluir a partida.

Nas quartas de final o Galáticos, primeiro do grupo B, enfrenta o SBSC, quarto do grupo A. Já o Águia da Paz, que mesmo com a goleada terminou em segundo no seu grupo, enfrenta o Real Boleiros, terceiro da outra chave.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *