Guerreiro FC vence Sete Vezes Mais e chega à decisão do carioca com 100% de aproveitamento

Por Marcio Nunes

Na tarde do último sábado, 9 de junho, ocorreu a primeira semifinal da 6ª Edição do Cariocão Evangélico de Futebol Society em jogo disputado no Campo 3 do Pau Ferro Futebol Clube, Pechincha. Em campo, Guerreiro FC e Sete Vezes Mais fizeram um primeiro tempo bastante equilibrado, com o time do Vidigal saindo na frente, mas o aurinegro de Belford Roxo reagiu e nem precisou da vantagem do empate pela melhor campanha na fase de grupos, garantindo sua vaga na decisão do torneio com uma vitória por 5 x 2 no fim.

O Primeiro Tempo

Os dez minutos iniciais podem ser definidos em uma palavra: tédio. Jogo truncado no meio, forte marcação, finalizações só de fora da área e direto pra fora. Foram 600 segundos de absolutamente nada de bom futebol. O grande acontecimento até então foi uma discussão dos jogadores do Sete Vezes Mais com o árbitro e que rendeu cartão amarelo. Quando já bocejávamos à beira do campo, o time de azul resolveu quebrar o gelo. Yuri dominou pela esquerda, tocou para Matheus que, da entrada da área, finalizou no canto.

O time do Vidigal seguiu no ataque e quase ampliou em jogada individual de Renato, mas o goleiro Geovane estava atento e saiu do gol para interceptar a jogada. A resposta do Guerreiro não demorou muito. Ronald dominou na entrada da área, deu um drible seco em dois defensores, rolou para Ernesto que finalizou para grande defesa de Bruno e no rebote o próprio camisa sete mandou pela linha de fundo. O gol de empate veio na sequência. Ronald dominou na entrada da área, tocou para Ernesto que dessa vez não desperdiçou e mandou a bola para o fundo do gol. Guerreiro FC 1 x 1 Sete Vezes Mais.

O Sete Vezes Mais, precisando da vitória, foi pro ataque pra tentar garantir a vantagem na etapa inicial e jogar com mais tranquilidade no segundo tempo. Ygor arriscou de longe e a bola desviou na zaga, mas Geovane, no reflexo, fez grande defesa. Jogando mais avançado e aberto o time acabou dando espaços ao adversário e o Guerreiro quase virou o placar. Ronald passou fácil pela marcação, deu passe para Alex que chutou pra fora. Mas ficou por isso mesmo. O primeiro tempo terminou com um gol pra cada lado e o Guerreiro se classificando pra final.

 

O Segundo Tempo

A etapa final começou a todo vapor. O Sete Vezes Mais se lançou ao ataque com tudo que tinha. Logo no primeiro lance Matheus arriscou de longe, a bola desviou na defesa, bateu no travessão e foi para escanteio. Na cobrança do corner, Renato cabeceou e Geovane fez uma defesa espetacular, à queima roupa. Como manda o futebol, “quem não faz, leva”. A virada do Guerreiro começou nos pés de Ronald que deu mais uma assistência. Dessa vez o camisa oito deu passe para Gilson que soltou a bomba pra mudar o placar. Guerreiro FC 2 x 1 Sete Vezes Mais.

O time de azul não desistiu e quase igualou a contagem em cobrança de falta ensaiada. Whashington Luiz tocou de lado e Matheus chegou pra finalizar, mas Geovane estava tendo um grande dia e fez mais uma defesa salvadora. Em nova tentativa, após escanteio pela direita, Ygor e Yuri chegaram juntos pra cabecear e, mesmo que ninguém tenha certeza de qual dos dois chegou primeiro na bola, Geovane fez mais um milagre evitando que a redonda entrasse no ângulo. Sem deixar o adversário respirar, Pedro Henrique cruzou rasteiro para Patrick que completou de primeira, mas a bola passou rente a trave e foi pra fora. Para não sucumbir a pressão, o time de Belford Roxo pediu uma parada técnica pra tentar corrigir o posicionamento e sair no contra-ataque.

E a tática surtiu efeito imediato. Quando o árbitro autorizou o reinicio da partida, Ronald fez mais uma jogada individual e deixou Ernesto na cara do gol, só pra completar e ampliar a vantagem. E a parceria se repetiu no lance seguinte. Troca de passes rápida do Guerreiro, de um lado para o outro, até chegar no “garçom”, Ronald, que deu sua quarta assistência no jogo para Ernesto, que só teve o trabalho de desviar para o gol vazio e marcar pela terceira vez. Guerreiro FC 4 x 1 Sete Vezes Mais.

Os garotos do Vidigal deram um último suspiro na saída de bola. Whashington Luíz deu passe para Ygor que bateu forte, a bola desviou no zagueiro e enganou Geovani, parando no fundo do gol. Mas o golpe de misericórdia veio em seguida. O goleiro Bruno saiu jogando errado, Ernesto recuperou a bola, levou até a linha de fundo e deu um toque por cima dos dois defensores adversários, que terminaram embolados na rede, para o gol de Lucas. Guerreiro FC 5 x 2 Sete Vezes Mais. Quando o árbitro apitou pela última vez, a festa foi de Belford Roxo.

 

As Estrelas do Jogo

Ronald do Guerreiro FC (10) – Jogador habilidoso que joga para o time. Ótimo domínio e controle de bola, driblador nato que joga com o corpo. O “garçom” do time com quatro assistências.

Ernesto do Guerreiro FC (10) – Oportunista e com bom posicionamento de ataque. Deu uma assistência e ainda fez um hat-trick ao marcar três vezes.

Geovane do Guerreiro FC (9,5) – Goleiro de reflexo e reação rápida. Fez ao menos 4 defesas espetaculares na partida, salvando a equipe. No primeiro gol estava com a visão encoberta por dois companheiros de time. No segundo gol foi pego de surpresa pelo desvio da zaga e não pode fazer nada.

 

Avaliação Coletiva

Guerreiro FC – Time muito bem entrosado. Possui jogadores habilidosos, que jogam muito bem coletivamente e com muita qualidade técnica. Mereceu a vitória.

Sete Vezes Mais – O time ainda precisa de maturidade para conseguir levantar o caneco. Possui jogadores habilidosos, mas com muito descontrole emocional. Precisam aprender a respeitar a autoridade do árbitro de jogo e focar mais em jogar bola do que reclamar ou provocar o adversário.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *