Maanaim FC faz segundo tempo perfeito e goleia Panela FC pelo Torneio de Inverno

Por Diogo Priori

Pela segunda rodada do Torneio de Inverno Evangélico, Maanaim FC e Panela FC estiveram frente a frente em um duelo que contou com dois tempos absolutamente distintos. Enquanto na primeira etapa vimos bolas alçadas na área e ausência de passes curtos, na segunda só um time jogou.

Com a bola rolando, o goleiro Lucas Carvalho quase deu um presentão para Kevin do Panela: Foi tentar driblar e contou com a falta de sorte (ou de pontaria) do adversário. Dois minutos depois, aproveitando falta na entrada da área, Lucas, o 10 do Maanaim, quase acertou o ângulo em falta perigosa. Era praxe acionar Lucas pelo meio para tentar alguma jogada individual ou até mesmo o arremate de longa distância (detalhe que o jogador finalizou ao menos dez vezes a meta durante todo jogo).

Falta de fluidez. O diagnosticado pela ausência de passes precisos e curtos, ficando claro que o Maanaim seria o maior prejudicado se isso não acontecesse perante menor recurso técnico do adversário. Mesmo que não tenha faltado empenho, a concentração e a confiança foram aumentando no decorrer da partida, junto à produtividade do time de azul. Contar com a bola parada ou com passes mais longos era a estratégia do Panela, mais fraca tática e tecnicamente. (além de visivelmente desentrosada.)

João Gabriel e Daniel coordenavam o ataque junto a Lucas pelas pontas. Ambos trabalhavam mais abertos e compunham a defesa quando necessário. Foi a dobradinha entre o 9 e o 7 que garantiu o primeiro tento do Maanaim. Pela direita, João acertou um bonito chute cruzado e preciso. 1×0 Maanaim.

Por mais que tenha se colocado ao ataque por diversas vezes, o Panela não era um time organizado. Jogava mais em cima de eventuais erros do Maanaim que por méritos coletivos e táticos. Foi assim que Pedro da Silva entregou a bola para Ygor, o 9 do Panela, que chutou forte demais e viu a bola subir.

Na jogada seguinte, o ditado ‘Quem não faz, leva’ nunca fez tanto sentido. Lucas, o 10 e principal jogador do Maanaim, aproveitou jogada individual e chutou preciso no canto direito do goleiro. 2×0.

Primeiro tempo esse que poderia sair empatado se o Panela tivesse mais frieza nas conclusões.  Erros do Maanaim serviriam de lição para o segundo tempo, principalmente a questão da bola no chão.

Iniciado o segundo tempo, o jogo truncado deu lugar a um domínio absoluto do Maanaim.   Toda ansiedade e falta de capricho no trabalho com a bola deram lugar a uma maior organização junto, é claro, ao desgaste do Panela FC. E cinco minutos foram necessários para que Maanaim emplacasse três gols e matasse a partida.

Começando com Lucas, o 10 habilidoso que recebeu um excelente passe de Daniel (grande assistente) para limpar para a esquerda e concretizar. 3×0 e o segundo dele na partida. Em seguida, em escanteio cobrado por Daniel, (outra assistência, diga-se de passagem) Higor de primeira, sem deixar a bola cair. Gol de placa. 4×0.  Sem dar afago para defesa adversária, Matheus sofreu e bateu rapidamente falta ensaiada para Pedro. 5×0.

Não encaixando mais a marcação na saída de bola, declaradamente seu ponto forte na equilibrada primeira etapa, restava ao Panela as jogadas de bola longa, entregando ao adversário a bola e as chances do ataque ‘em facão’ ficando maiores, mesmo que Lucas, o melhor da partida até aqui, tenha saído para descansar, dando lugar ao camisa 20 Willians.

A entrada de Willians, meio-campista do Manaaim, ajudou numa melhor distribuição da bola.  Atuando mais pelo lado esquerdo em diagonal, além de achar bons passes, trabalhou a plenos pulmões achando sempre bons espaços.

Espaços esses que, é bom dizer, foram dados em excesso pelo Panela na segunda etapa.  Desprovido de alguma organização, o time padeceu diante do terceiro gol.  Já estava fácil trocar bolas no campo de ataque, com isso Pedro, cada vez mais presente no campo adversário tocou para João deixar o dele. 6×0 e contando…

Nos minutos finais, mais garra que técnica.  Com a volta de Lucas, descansado após cinco minutos, o ritmo voltou a subir.  As jogadas pelo lado de campo foram mais exploradas ainda com a fadiga do Panela FC.   Fadiga essa aproveitada por Matheus, o grandalhão cheio de habilidade do time de azul enfileirou três e tocou para Lucas, tranquilo, guardar nas redes. 7×0.    Ainda dava tempo para Williams, meio-campista de boa visão lançar (com muita categoria) Lucas, de cabeça, fechar seu show particulare um 8×0 de respeito frente aos rivais.

O segundo tempo foi de um time só. Nada teve a ver com o primeiro.  Garra e disposição não faltou para o Maanaim.  Visivelmente mais técnico, poderia sim ter explorado melhor os passes na primeira etapa e quando conseguiu deslanchou na partida.

 

Melhor em Campo:

Lucas [Maanaim] –  Foi muito bem.  Líder de todas empreitadas ofensivas do time, tem um ótimo chute de média distância.  Além das oportunidades criadas e bons dribles.

                                      Menção Honrosa:

João Gabriel [Maanaim] –  Três assistências e uma atuação sólida sempre criando espaços para Lucas e Daniel.

Pedro [Maanaim] –  Muito participativo, foi junto a Lucas o grande destaque da partida. Seus dois gols e duas assistências falam por si.

William [Maanaim] – Equilibrou o meio-campo do Maanaim com boa movimentação e bons passes. Ainda teve tempo de servir Lucas em um lindo lançamento.  

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *