MAV joga o fino da bola e goleia o Plenitude 12 pela quarta rodada do Carioca Evangélico

Por Isabella Vieira

Neste sábado, 7 de Maio, aconteceu a quarta rodada do Campeonato Carioca de Igrejas Evangélicas , no Campo do Agrião, Alto da Boa Vista. Em campo, no penúltimo jogo da tarde, duas equipes que já se conheciam do Torneio de Verão: MAV x Plenitude 12. Durante todo o jogo o MAV foi superior, com destaque para o João, que marcou 3 gols na partida, e acabou derrotando o adversário por 7×2, se colocando na terceira posição do grupo A com nove pontos.

O jogo já começou agitado. Logo aos três minutos, Wagner, do Plenitude, cometeu falta em Dario dentro da área. Pênalti que o próprio jogador converteu, abrindo o placar para o MAV. O time de Campo Grande tinha muita dificuldade na partida, principalmente no campo defensivo, onde era dominado pelo oponente. Aos nove minutos, João Marcos marcou o seu primeiro gol no duelo, recebendo bola de Caio. Vencendo e dominando o Plenitude, o time de Realengo fazia sua melhor apresentação no Carioca, mais equilibrado em cmapo, marcando com propriedade e fluindo suas jogadas ofensivas. Além disso, seus jogadores de frente, inspirados, ainda tinham espaços para jogar. No entanto, mesmo nesse cenário amplamente favorável, o MAV acabou sofrendo um gol. Wagner tocou para Maurício, que diminuiu para o Plenitude 12. O gol deu uma motivada na equipe amarela, que apresentou uma leve melhora em campo. Mas ao 20 minutos, Henrique deixou para Caio fazer o terceiro do MAV. Vitória justa do time azul e branco na primeira etapa. 3×1.

Quando todos esperavam um abafa do Plenitude em busca do empate ou da virada, o que aconteceu foi um ritmo intenso do MAV que, logo no início do segundo tempo, marcou dois gols com diferença de dois minutos entre eles. Ambos de João Marcos, o craque do jogo. No 4×1, o meia recebeu de Caio e no 5×1, o garçom foi Thiago. Com a fatura praticamente liquidada, coube a equipe alviazul fazer uma segunda etapa bem mais tranquila. Minutos depois, Maurício fez seu segundo no jogo e segundo do Plenitude 12, mas a tarefa do time era bem complicada, reverter um resultado negativo contra uma equipe que jogava o fino da bola, relembrando seus melhores momentos na história da competição. O dia não era mesmo do camisa oito do time amarelo. Além de tomar amarelo, Wagner ainda cometeu outra pênalti, mas dessa vez o goleiro Rodrigo pegou. Antes do final da partida o MAV ainda marcou mais dois gols, com Robinho, recebendo bola de Victor, e Thiago Muri, sendo assistido pelo próprio Robinho.

As campanhas de MAV e Plentitude 12 eram exatamente iguais até aqui, ambos tinham os mesmos seis pontos, os mesmos dois de saldo e sete de gols marcados. Mas depois desse duelo, ficou clara a superioridade do time alviazul, que teve uma grande atuação. O time de Campo Grande mostrou força no início, mas vem de duas derrotas e está com o sinal vermelho aceso.

Na próxima rodada, dia 20, o MAV enfrenta um velho conhecido: Talentos da Fé. Já o Plenitude 12 encara o Puritanos FC.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *