Real BR reencontra seu melhor futebol e vence a primeira no Carioca

Real BR e União IBV entraram em campo pela terceira rodada do Carioca Evangélico pressionados. Afinal de contas, as duas equipes vinham de duas derrotas e a vitória seria fundamental para continuarem com boas chances de classificação para a segunda fase. O resultado disso foi um jogo muito disputado, onde os três pontos acabaram indo para o time de Bento Ribeiro, que fez uma partida mais equilibrada e venceu por 3×2, com destaque para o meia Michael e para o goleiro Rodrigo.

O Real iniciou as ações com mais atitude, tendo mais a bola e buscando frear as intervenções do adversário. Com uma formação mais contundente e equilibrada que nas outras partidas, o atual vice-campeão carioca fez lembrar seus bons momentos na competição e abriu o placar logo aos cinco minutos com Michael. O União IBV, aos poucos, foi se encontrando na partida e foi outro time que teve momentos que lembrou a boa equipe do carioca passado. Wellerson obrigou Rodrigo a fazer sua primeira defesa difícil no duelo, ele que foi fundamental para a vitória do seu time. A resposta do Real veio num chute Di Maria que raspou a trave. Com o jogo com a cara mais equilibrada, o gol do União aconteceu aos 12 minutos, quando Joldair recebeu de Renan e deixou tudo igual. 1×1.

A partida era muito boa, por ora truncada, mas, acima de tudo, muito bem disputada, na bola, com os ataques levando vantagem sobre as defesas. Ambas ainda eram muito frágeis, mas em compensação, o sistema de meio-ataque funcionava muito bem. Sem sobra de dúvidas, era a melhor partida das duas equipes até então no carioca.

O leve domínio que tinha fez com que o Real marcasse o segundo. Michael, o melhor em campo, serviu Di Maria que completou para o fundo das redes. O União era bravo. Em desvantagem, pressionou o adversário e poderia ter ido para o intervalo com o empate se não fosse o goleiro adversário. Rodrigo fez uma bela defesa em chute de Wellerson no final da primeira etapa, garantindo a vantagem parcial.

Após o intervalo, o União voltou ainda mais disposto a tirar o prejuízo. O equilíbrio ainda dava as caras na partida, mas, diferente da etapa anterior, era o time de Santa Cruz que levava mais perigo. Wellerson e Fernando poderiam ter marcado, mas Rodrigo, primeiro tirando do ângulo e depois em ataque rasteiro, conseguiu evitar o revés para sua equipe. A dupla juntamente com Renan eras os protagonistas da pressão que o IBV exercia sobre o adversário. No entanto, quem marcou foi o Real, que fez seu terceiro gol aos 15 minutos com Daniel. 3×1.

Os dez minutos finais foram bastante intensos, com o time vermelho e azul lutando pra diminuir a diferença e o adversário marcando sob pressão e tentando nos contra-ataques. Um clássico jogo onde quem perde se lança ao ataque e quem vence joga com mais tranquilidade. No entanto, perto dos 20 minutos, o gol de William colocou ainda mais fogo numa partida já quente por natureza. Mas as tentativas do União não surtiram efeito e a vitória acabou mesmo nas mãos do Real Br: 3×2.

Jogo de alto nível, disputado na bola, com duas equipes que parecem ter se encontrado na competição. A vitória foi do time mais eficiente e que teve um goleiro num dia muito inspirado.

NOTAS:

Michael (Real) – 8

Wellerson (União) – 8

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *